‘Revolution’, Jennifer Donnelly


   Idioma: Inglês
   Autora: Jennifer Donnelly
   Editora: Delacorte Press
   Nota: 5 estrelas

O livro de hoje é um que eu acho que todos deveriam ler. É daqueles que te transportam para o passado e te deixam com um incrível buraco no peito e depois enchem esse vazio com coisas boas. ‘Revolution’ é o quarto trabalho de Jennifer Donnelly. Ele me marcou muito e eu espero que faça o mesmo com você.

Na história conhecemos Andi, uma menina que está passando por um período de luto e culpa depois que perdeu o irmão. É na música que ela encontra forças para continuar seguindo em frente. Andi é forçada a viajar para Paris com o seu pai e lá, ela encontra um antigo violão e dentro dele um diário da época da Revolução Francesa. Ela se vê envolvida na história misteriosa e perigosa de Alexandrine, ao mesmo tempo que encontra conforto nas suas palavras. A vida de Andi muda no momento em que ela começa a viver o mundo de Alex.

‘Revolution’ é o tipo de livro que tem mistério, romance, tristeza, delicadeza, esperança e uma pequena dose de fantasia, que faz a experiência ficar ainda mais incrível. O título é simplesmente fantástico e tocante, pois representa – obviamente – a Revolução Francesa além de toda a mudança que Andi sofre enquanto está em Paris.

rev 1

A leitura flui rapidamente. Apesar de muitas páginas serem do diário de Alex, não achei que isso prejudicou o ritmo e era sempre muito fácil para me situar novamente no mundo de Andi. A história é tão cativante que é um pouco difícil deixar o livro de lado.

É incrível ver a influência tem Alex tem em Andi, mesmo que elas estejam há anos de distância. A nossa personagem principal amadurece bastante lendo as escritas da jovem francesa. É um pouco complicado falar do relacionamento entre as duas sem soltar spoiler (que talvez nem seja tão spoiler assim, mas foi uma grande surpresa pra mim, então quero que também seja para vocês!), mas posso colocar aqui que, no final, a sensação que se tem é que as duas foram grandes amigas.

Como música é uma tema recorrente na vida de Andi, temos desde clássicos do rock como Pink Floyd e Led Zeppelin, até bandas mais atuais como Radiohead e Coldplay. Para quem gosta dessas bandas, é sempre uma emoção quando elas são mencionadas, principalmente quando rola uma brincadeirinha com uma delas.

rev 2

O contexto historio é bastante fiel e Jennifer, amante de história, disse que fez pesquisas extensas na hora de escrever esse livro para que não houvesse nenhum tipo de informação falsa. A autora adora escrever romances históricos. É claro que ela adicionou uma coisinha ali e outra aqui, mas nada que tenha prejudicado a verdadeira história.

É um livro ambicioso? Sim, mas que cumpriu o seu dever. Então, leia e depois chore ouvindo uma certa música do Pink Floyd. ‘Come on you raver, you seer of visions, come on you painter, you piper, you prisoner, and shine.’

Compartilhe:

Sobre Rovena

Rovena é de Vitória, formada em Relações Internacionais e atualmente cursa Letras-Inglês. Gosta muito de ler e ouvir música enquanto escreve. Grifinória, feminista e especialista em tretas do blink-182. Está no twitter (@rovsn).